Entidades apresentam contraproposta ao Banco da Amazônia. Mesa será retomada nessa sexta 24

Publicado em 24/08/2018 09:27

 

Belém PA – O Sindicato dos Bancários do Pará, Contraf-CUT e Fetec-CUT Centro Norte voltaram na manhã dessa quinta-feira (23) para a mesa específica com o Banco da Amazônia e apresentaram uma contraproposta ao que foi defendido pela instituição na reunião da última terça-feira (21). O banco acolheu a mesma e vai analisar as reivindicações feitas pela categoria. Ao final ficou o indicativo de retomada da mesa de negociação nessa sexta-feira (24), às 14 horas, na matriz do Banco da Amazônia, em Belém, a depender do desfecho da mesa da Fenaban.

“A proposta do Banco da Amazônia mantém integralmente a redação de grande parte das cláusulas do Acordo Coletivo, mas o banco propõe mudança de redação, inclusão ou exclusão de algumas cláusulas. As entidades apresentaram contrapropostas e aguardaremos o posicionamento do banco nessa sexta-feira (24) para os nossos pleitos. Para as cláusulas econômicas o banco aguarda a Fenaban. A orientação é seguirmos em alerta e firmes na luta em defesa dos nossos direitos”, afirma a vice-presidenta do Sindicato dos Bancários do Pará, Tatiana Oliveira.

“O Banco da Amazônia afirmou que pretende assinar o Acordo Coletivo junto com o Acordo de PLR. Além disso, o banco apresenta proposta de novas cláusulas para assuntos como reposição de horas não trabalhadas, compensação de horas, dia de pagamento, ponto eletrônico, jornada de trabalho, banco de horas etc. Da nossa parte apresentamos para inclusão propostas de clausulas relacionadas à terceirização, lateralidade, isenção de tarifas, férias, abono assiduidade, entre outros. Reforçamos o pedido de proposta para o tema Saúde e PCCS e aguardamos a resposta do banco na reunião dessa sexta e esperamos que a mesma seja satisfatória para a categoria”, argumenta o diretor do Sindicato e da Federação dos Bancários do Centro-Norte (Fetec-CN), Sérgio Trindade.

Representaram a categoria na reunião de hoje a vice-presidenta do Sindicato dos Bancários do Pará, Tatiana Oliveira, que na ocasião também representou a Contraf-CUT, a dirigente sindical Suzana Gaia, os dirigentes Sérgio Trindade e Ronaldo Fernandes, que também representaram a Fetec-CN, além do assessor jurídico do Sindicato, Fernando Galiza.

Fonte: Bancários PA