Hoje termina o segundo turno da eleição do Caref no BB. Fetec-CUT/CN apoia Débora Fonseca

Publicado em 04/02/2021 10:38

Hoje termina o segundo turno da eleição do Caref no BB. Fetec-CUT/CN apoia Débora Fonseca

Mais votada no primeiro turno, Débora já demonstrou capacidade de defender as posições dos trabalhadores e de articular as entidades do funcionalismo em defesa do BB

O segundo turno para a eleição que renovará o mandato do representante dos funcionários no Conselho de Administração do Banco do Brasil (Caref) termina nesta quinta-feira 4 de fevereiro. A Federação dos Bancários do Centro-Norte (Fetec-CUT/CN) reafirma o apoio à reeleição da candidata Débora Fonseca

Com apoio da Fetec-CUT/CN, da Contraf-CUT e de amplo leque de entidades representativas do funcionalismo, Débora foi a mais votada no primeiro turno, realizado entre 8 e 14 de janeiro: ela obteve 10.907 votos, bem à frente do segundo colocado, que alcançou 2.245 votos.

Débora Fonseca é bacharel em Comunicação Social e tecnóloga em Gestão de Recursos Humanos, com MBA em Gestão Bancária e Finanças Corporativas, CPA-10 e CPA-20.

“A representação no Conselho de Administração, a mais importante instância de decisão estratégica do banco, é uma conquista importante dos funcionários e por isso todos devem votar na eleição. Apoiamos a companheira Débora Fonseca porque ela já demonstrou capacidade de defender as posições do funcionalismo e fazer um trabalho importante de articular as entidades do funcionalismo em defesa do BB”, afirma Cleiton dos Santos, presidente da Fetec-CUT/CN.

Em seu primeiro mandato como Caref, Débora Fonseca tem sido voz firme em defesa dos funcionários como o mais valioso ativo do banco para os expressivos resultados alcançados, dado o profissionalismo e a qualificação com que atuam. Em nome daqueles que constroem no dia a dia o Banco do Brasil e que conhecem o potencial, as demandas e os anseios dos clientes, assim como as realidades nos meios rural e urbano, de norte a sul do país, a conselheira tem se colocado na linha de frente da luta contra a retirada de direito e de conquistas dos trabalhadores, a despeito da restrição imposta pela legislação em votos de pautas que envolvam questões funcionais.

Para a Fetec-CUT/CN, Débora Fonseca é garantia de atuação permanente e qualificada em defesa do BB como instituição pública, a serviço do desenvolvimento econômico e social e como principal agente de crédito para atividades produtivas geradoras de emprego e renda.

Fonte: Fetec-CUT/CN