XI Congresso elege nova diretoria da Fetec-CUT/CN e aprova plano de lutas dos bancários

Publicado em 19/04/2021 09:19

XI Congresso elege nova diretoria da Fetec-CUT/CN e aprova plano de lutas dos bancários

Cleiton dos Santos, funcionário do Banco do Brasil em Rondônia, foi reeleito presidente da Federação dos Bancários do Centro-Norte, que está comemorando o 30º aniversário

Depois de discutir a importância das empresas públicas para o futuro do país, entre elas Banco do Brasil e Caixa e a saúde dos trabalhadores em tempos de pandemia, o XI Congresso da Federação dos Bancários do Centro-Norte (Fetec-CUT/CN) foi encerrado neste sábado com a aprovação de um plano de ação e a eleição da nova diretoria da entidade. O presidente Cleiton dos Santos, funcionário do Banco do Brasil em Rondônia, foi reeleito para comandar a Federação no período 2021/2025.

“Foi um desafio enorme fazer o congresso nessa plataforma virtual, o que é inédito para nós. Somos a segunda federação de bancários do país a fazer um congresso num ambiente virtual, mas valeu a pena porque abre novas perspectivas para a nossa ação. Precisamos fazer mais e melhor que antes. Agradeço imensamente a confiança depositada pelos companheiros nesse desafio de lutar pela vida dos bancários e pela manutenção dos direitos”, agradeceu Cleiton no Congresso.

Participaram do encontro 123 delegados de todas as bases sindicais da Fetec-CUT/CN, que está completando seu 30º aniversário.

Fundada em 19 de janeiro de 1990 e ratificada pelo I Congresso Interestadual da categoria, realizado em março de 1991 em Cuiabá (MT), a Fetec-CUT/CN representa 12 sindicatos de 8 Estados das regiões Norte e Centro-Oeste mais o Distrito Federal. São eles Dourados (MS), Campo Grande (MS), Mato Grosso, Rondonópolis (MT), Médio Araguaia (com sede em Barra do Garças), Brasília, Entorno do Distrito Federal (Ride, GO), Rondônia, Acre, Roraima, Pará e Amapá.

Por sua amplitude territorial, a Fetec-CUT/CN é a maior base sindical de trabalhadores do planeta.

Leia também:

> ‘A esperança é maior que a tristeza’, diz presidente da Fetec-CUT/CN na abertura do XI Congresso

Fetec-CUT/CN completa 30 anos e faz nesta sexta e sábado seu XI Congresso, em defesa da vida e dos direitos dos bancários